UNIDADE PS1 -SISTEMAS DE INFORMAÇÕES COMERCIAIS

Esta unidade pressupõe que a competência no uso dos sistemas de computação e as habilidades de programação já tenham sido desenvolvidos nas Unidades P1 e P2.

Objetivo geral da unidade

Os estudantes deverão ser capazes de planejar, projetar, implementar e implantar metodicamente, sistemas de informação relativamente simples, com o uso de ferramentas orientadas a problema.

1. PLANEJAMENTO DA INFORMAÇÃO

Objetivo

Os estudantes deverão ser capazes de usar métodos formais de analise de fluxo de dados para identificar os requisitos de um sistema de informações existente

Contexto

Os alunos deverão ser capazes de relacionar a atividade de programação com o mundo real, especialmente, o mundo onde se pode encontrar emprego. A relevância do material ira enfatizar o valor do curso e torna-lo mais interessante, tanto para alunos quanto para professores.

Conteúdo

Os alunos analisarão casos simples como, por exemplo, um depósito ou um escritório de contabilidade, os quais são descritos pelas informações disponibilizadas. O estudo de caso é construido de tal forma que nenhuma técnica avançada é necessária. As técnicas utilizadas serão baseadas em diagramas.

Os estudantes irão trabalhar em grupos, usando diferentes métodos para coletar dados, como entrevistas e questionários. Os formulários e outros documentos usados na organização do estudo de caso que serão analisados como fontes de informação acuradas.

As seguintes atividades de estudo são parte da fase de Planejamento de Informação na unidade:

a)elaboração do croqui do fluxo de dados dentro da organização dada;

b)quantificar o volume do fluxo de dados dentro da organização;

c)avaliar a velocidade do fluxo de dados na organização;

d)especificar um modelo relacional;

e)identificar as funções a serem fornecidas aos empregados pelo sistema de informação.

  1.  

2. Projeto

Objetivo

Os estudantes deverão ser capazes de desenvolver o projeto de um banco de dados simples com um numero limitado de funções de entrada, recuperação, alteração e apresentação de dados.

Contexto

O estudo de caso deve requerer apenas poucas funções para serem especificadas e a interface com o usuário deve ser simples e padronizada. O professor poderá desempenhar o papel coletivo dos usuários.

Conteúdo

Durante o projeto do banco de dados, os alunos deverão proceder com meticulosidade e detalhamento na especificação da estrutura global, na especificação das variáveis e na relação entre os dados que serão utilizados. É necessária a revisão das descrições com os usuários para assegurar-se de que as especificações geradas são abrangentes e apropriadas.

As seguintes atividades de estudo são parte da Fase de Projeto nesta unidade:

a)especificar a estrutura do banco de dados;

b)especificar amostras de dados a serem inseridos no banco de dados;

c)especificar as funções necessárias e a interface com o usuário;

d)projetar um programa pequeno, em termos de banco de dados, das funções e da interface.

  1.  

3. IMPLEMENTAÇÃO

Objetivo

Os estudantes deverão ser capazes de implementar e testar o programa projetado em um computador.

Contexto

Os alunos irão normalmente usar um banco de dados programável do tipo dBase ou uma linguagem de programação de uso geral estruturada, de preferência com uma biblioteca ampla de funções de banco de dados pré-programadas.

Conteúdo

Antes da execução inicial do programa com dados de teste, os alunos necessitarão estabelecer critérios a serem usados na avaliação, no teste de especificações e na codificação. Uma documentação apropriada do sistema será extremamente útil para auxiliar os alunos a encontrar as fontes de erros.

As seguintes atividades de estudo são parte da Fase de Implementação nesta unidade:

a) transformar o programa projetado em um programa real:

b) especificar critérios de testes para o programa;

c) executar o programa com massa de dados de teste;

d) testar e verificar o código;

e) identificar as áreas com problemas e providenciar as soluções.

4. IMPLANTAÇÃO NA ORGANIZAÇÃO

Objetivo

Os estudantes deverão desenvolver a sensibilidade para os problemas associados com a implantação de um sistema de informações em uma organização.

Contexto

As diferentes funções empregadas pela organização no estudo de caso devem ser desempenhadas pelos estudantes. O professor poderá supervisionar o andamento e o papel desempenhado, ajudando na identificação dos problemas.

Conteúdo

Os estudantes terão os seus projetos e as especificações de seus programas validados com respeito as situações da vida real. Eles irão categorizar os problemas em classes: modelo de dados, especificação, funções e interface. O professor chamará a atenção para a importância da documentação.

As seguintes atividades de estudo são parte da Fase de Implantação nesta unidade:

a)implantar o sistema de informações em uma organização que se comporte como no mundo real;

b)identificar problemas com o uso do sistema;

c)sugerir soluções praticas para esses problemas.

 

5. USO NA ORGANIZAÇÃO

Objetivo

Os estudantes devem ser capazes de avaliar a efetividade da execução de seus programas para a organização.

Contexto

Os alunos irão executar o sistema simulando a organização envolvida. A habilidade técnica dos estudantes será colocada em teste em um ambiente semelhante ao da vida real, além de oferecer aos alunos a oportunidade de avaliarem as suas habilidades na identificação das capacidades e limitações de seu sistema.

Conteúdo

Usando especificações de dados, os alunos avaliarão as capacidades e limitações de seu sistema. Erros de interface de hardware e de software terão de ser corrigidos, aprimorando o projeto.

As seguintes atividades de estudo são parte da fase de Uso na Organização nesta unidade:

a)monitorar a eficiência de seu sistema;

b)avaliar as capacidades e as limitações de seus sistemas no tratamento das atividades na organização.

  1.  

Recursos

A documentação de sistemas previamente desenvolvidos pode ser colocada a disposição dos estudantes.

Embora seja mais próximo as metas de estudantes universitários, um bom livro de referência em Desenvolvimento de Sistemas poderá ser de grande valia como material de apoio.

Um banco de dados como dBase ou uma linguagem de programação estruturada de uso geral, com uma biblioteca abrangente de funções de banco de dados pré-programadas, também deverá ser disponibilizado aos alunos.

 

Conexões

Trabalhando com Bancos de Dados (C6); Projeto e Uso de Bancos de Dados (El).

Retornar Apêndice 4

Retornar